FEIRAS ESPECIAIS DE ARTES – FEIRARTES

Essas informações foram úteis?
O que é?
Consiste na promoção de exposições e venda dos trabalhos de artistas plásticos e artesãos, em logradouros públicos, assim como o acompanhamento e supervisão do funcionamento das Feiras Especiais de Artes - FEIRARTES, com base na legislação vigente. Acessar o serviço
Veja serviços relacionados em:
  1. a) Como se tornar um expositor nas Feirartes:
    Os candidatos a expositores das Feirartes são avaliados pela Comissão de Avaliação das Feirartes, por meio de processo seletivo aberto a todo interessado e convocado por Edital da Diretoria da Divisão Gerência de Feirartes/SMC. Para ter acesso ao processo seletivo utilize o sistema 1746.
    b) Para frequentar as Feirartes dirija-se a um dos endereços:
    - Praça General Osório - Feirartes I aos domingos, das 08h às 20h;
    - Praça XV de Novembro - Feirartes II, às quintas e sextas-feiras, das 08h às 20h;
    - Praça Saens Peña - Feirartes III, sextas-feiras e aos sábados e domingos , das 08h às 20h;
    - Praça do Lido - Feirartes V, aos sábados e domingos, das 11h às 23 h;
    - Calçadão de Copacabana - Feirartes VI aos sábados e domingos, das 16h às 24 h.
    Subsecretaria Municipal de Cultura
    Rua Afonso Cavalcanti, 455 sala 209

As Feiras Especiais de Artes, conhecidas como Feirartes são regulamentadas pela Lei Municipal nº 1533, de 10 de Janeiro de 1990, combinada com o Decreto Municipal nº 29881, de 18 de setembro de 2008, que consolida as Posturas da Cidade do Rio de Janeiro.
As Feirartes destinam-se à exposição e venda dos trabalhos de artistas plásticos e artesãos em logradouros públicos e têm por objetivos promover e estimular atividades artísticas e artesanais a fim de, proporcionar aos expositores, artesãos e artistas plásticos, condições de aperfeiçoamento artístico e auto-sustentação, além de propiciar facilidades de comercialização e divulgação no país e no exterior, dos trabalhos dos expositores.
A fiscalização das Feirartes está a cargo da Coordenação de Controle Urbano, através da Subgerência Fiscal de Feiras de Artes, Alternativas e Antiquários / F/CFE/SFFA da Secretaria Municipal de Fazenda, em conjunto com a Gerência Feirartes da Secretaria Municipal de Cultura.

  • Telefone Atenção: No município do Rio de Janeiro, as ligações para a central são realizadas através do número de telefone 1746. Para outras localidades, o número da central é (21) 3460-1746.
  • Aplicativo 1746 Rio O Aplicativo 1746 conecta o cidadão à Prefeitura do Rio. Você poderá solicitar mais de mil tipos de informação e serviços públicos municipais, além de poder acompanhar o andamento das suas solicitações.